EPISÓDIO 7 - UMA LUTA MELHOR QUE AS ANTERIORES

06/06/2012 22:10

Uma Luta Melhor que as Anteriores

Por Julian VK

 

 

        Dessa vez eu tenho pouco o que criticar, portanto essa será a menor análise até o momento. Contudo, há um detalhe que eu realmente detestei com relação a este episódio: omitiram praticamente toda a etapa das oitavas de final da Saint Fight. Por que estão fazendo este torneio assim, tão corrido? Isso tira toda a graça da competição.

        Eu REALMENTE espero que ao menos mostrem todas as lutas das quartas de final em diante, porque até o momento a Saint Fight foi uma grande decepção.

        Ichi de Hidra na platéia. Alguém lembra o que eu comentei a respeito dele na análise anterior? Pois é. Desvalorizam o torneio, desvalorizam um veterano, daqui a pouco só falta desvalorizarem os cavaleiros de ouro. Saint Seiya Omega seria uma série muito, muito mais divertida se tomassem mais cuidado com os detalhes.

        Na hora do jantar, Kouga e Souma comendo como desesperados. Outro clichê de anime shounen japonês...

        Agora, um detalhe que realmente me faz pensar. Se o Shiryu é praticamente um vegetal sentado diante da cachoeira de Rozan, como é que ele ficava cansado com os treinamentos? Essa é uma pergunta que eu gostaria que os autores do anime respondessem.

        Provavelmente a cena mais engraçada deste episódio é quando Kouga pensa a respeito de seu pai... e adivinhem quem vem à mente dele? Shina de Cobra. Sem comentários, viu.

        Já a cena em que Geki fala a respeito de Seiya provavelmente pode ser considerada um dos pontos importantes do capítulo. Além de moldar um pouco a personalidade do Kouga – maldição, ele vai virar um encosto! –, referências são sempre bem-vindas, quando feitas com moderação, claro.

        A luta de Yuna não foi lá grande coisa. Fico um tanto preocupado porque novamente foi um confronto totalmente baseado em elementos, o que significa que talvez meus temores se tornem realidade. Será realmente uma grande palhaçada se em SSΩ todos os ataques forem limitados ao elemento de seu cavaleiro/marciano.

        Mas que eu gostei de ver a Yuna chutando a cara do seu adversário, eu gostei. Contudo... por que o close na saia dela? Tsk, tsk, animadores pervertidos.

        E finalmente chegamos à luta entre Kouga e Souma. Pessoalmente, eu devo dizer que foi muito melhor do que a batalha contra o Fukku. Desta vez os dois lutaram em pé de igualdade, ao invés de apenas um apanhar como um cachorro de rua o tempo todo. Eu bem que queria que o Leão Menor se erguesse novamente após receber o Meteoro de Pégaso, mas creio que isso seria pedir demais.

        Não foi exatamente uma luta espetacular, até porque já estava na cara que o vencedor seria Kouga, mas esse é o caminho. Basta manter este estilo e pelo menos no quesito lutas SSΩ será digno de alguns elogios.

        E parece que Athena está indo a Palaestra. Mas desde quando ela possui uma carruagem voadora? Ficou com inveja da Pandora de Lost Canvas, foi?

        Minha conclusão deste episódio é: Não fosse pelo conceito já totalmente corrompido pelas mudanças irreversíveis eu teria alguma esperança de que um dia SSΩ viria a ser um bom anime para os fãs dos verdadeiros Cavaleiros do Zodíaco.

        Deixo também um último comentário. Seria muito melhor se o nome do torneio que estamos vendo fosse Guerra Galáctica (ou seu respectivo nome em japonês), afinal de contas o primeiro campeonato entre cavaleiros de que se tem notícia foi justamente esse. Porque não fizeram dessa forma ao invés de batizar de Saint Fight? Ah, desculpem, eu esqueci que os autores só fazem referências quando convém a eles.

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!