EPISÓDIO 29 - MÁSCARA DA MORTE DE TOURO

23/10/2012 19:27

Máscara da Morte de Touro

Por Julian VK

 

        Finalmente chegou o momento que provavelmente todos estavam esperando desde que foi anunciada uma nova série de Saint Seiya: a apresentação dos cavaleiros de ouro (apesar de que já conhecíamos Áries, Leão, Libra, Sagitário e Capricórnio). Melhor começar a rezar para que o cavaleiro do seu signo favorito não passe vergonha.

        Para começo de história, Mars finalmente transforma seu castelinho numa verdadeira Torre de Babel, uma construção que alcança os céus. Enquanto isso, Eden continua chorando a morte da Aria. E pensar que eu achava esse emo legal...

        A turminha do bronze aparece no novo caminho das doze casas e depois de uns flashbacks para nos lembrar de que Aria, mesmo morta, continuará a nos pentelhar neste anime o pessoal resolve subir as doze casas pra acertar as contas com o Mars. Ou simplesmente para fazer exercício, vai saber o que passa pela mente deles.

        E para as garotas de plantão um pouco de fanservice: close na bunda do Kouga.

        Por alguma razão não explicada, quando eles chegam à casa de Áries o lugar se transforma numa espécie de bosque. Eu vou ignorar isso e considerar que é apenas um dos poderes do Kiki (como as ilusões de Buda que Shaka adorava colocar na cabeça dos outros), mas seria legal se os espectadores não tivessem que ficar procurando explicações.

        Confesso por um momento eu imaginei que não haveria nenhum relógio de doze horas, mas parece que uma batalha das dozes casas sem um não é uma verdadeira batalha das doze casas. Porém, ao invés de um relógio de fogo, temos um círculo feio no topo do caminho de Babel.

        E então Kiki revela o grande plano de Mars: arrancar seu planeta da órbita normal e colocá-lo na frente da Terra, para que assim o nosso se torne um mundo das trevas, desprovido de vida e- espere um pouco? Hades, é você? Porque se não for... ô plágio descarado! Ao menos a segunda parte do plano é original: transformar o planeta Marte numa nova “Terra”, que será o paraíso de Mars. Embora seja uma variação do clichê do vilão que quer dominar o mundo, ainda assim é “distinta” o bastante para não se tornar maçante.

        Como eu (e todos os outros que viram o clássico) previram, Kiki conserta as armaduras dos bronzeados, com direito a uma explicação sobre o Sétimo Sentido. Mas ajudar eles a enfrentar os cavaleiros de ouro que é bom? NADA! Esses arianos, viu. Só querem saber de ficar comendo pipoca em casa. Ao menos Kiki se dá ao trabalho de enfrentar os marcianos que foram matá-lo (era isso ou morrer, né). E já que mencionei eles, eu desconfio que foram insetos numa vida anterior, porque o jeito que subiam as escadas me fez lembrar de uma fila de formigas.

        Tendo sua armadura consertada primeiro, Kouga resolve disparar na frente dos outros, mostrando que tem o intelecto de uma lagosta cozida. Ao chegar na casa de Touro ele se depara com pilhas e pilhas de ossos, que logo se transformam numa enorme estátua do boi bandido. Ia ser muito clichê se o cavaleiro de câncer fosse novamente o colecionador de objetos de cunho duvidoso, certo?

        Nada contra a personalidade do Harbinger, até porque pra escolher servir o Mars o cara tem que ser realmente um filho da mãe, mas eu me recuso a aceitar aquela voz dele! O cara que o dublou devia ser demitido! Rezo para que a batalha da casa de Touro acabe logo para que eu não tenha que aturar aquela voz horrenda.

        Um ponto curioso deste episódio é o fato de que o capacete de Touro tem um chifre faltando, uma homenagem clara ao clássico. Se por um lado é legal ver que eles lembram que Aldebaran não cuidou muito bem de sua armadura, por outro lado é estranho que ninguém tenha se dado ao trabalho de arrumar aquele chifre depois de tantos anos. Falta de verba, será?

 photo Shadow_Horn_zps299a7265.gif


        A luta entre Harbinger e Kouga pode ser resumida numa única frase: Kouga apanha. Eu não esperava menos, e acho que o mesmo vale para os outros espectadores. Ignorando-se os clichês e os momentos de burrice do cavaleiro de jumento, este episódio não foi nada mal. Contudo, gostaria de entender por que diabos o golpe Great Horn parecia mais o Cosmic Marionation. Desde o clássico o efeito desse golpe do Touro sempre foi pulverizar o inimigo, não fazê-lo se contorcer.

        Como meu último comentário, me pergunto o que os outros cavaleiros estão fazendo. Não é possível que todos os escolhidos para proteger Athena e o mundo estejam do lado de Mars quando este pretender ferrar com o planeta e acabar com a vida de todos os inocentes que não o aceitarem como soberano. Será que eles não sabem disso? Se é esse o caso então, como o Kiki sabia? E se ele sabia e os outros não, por que não contou a verdade para todos? É triste, mas é a verdade: os cavaleiros de “Athena” são uma vergonha neste anime! Defensores da paz e da justiça o caralho! São um bando de oportunistas sem caráter, isso sim.

Salvo ALGUMAS exceções, é claro.

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!