EPISÓDIO 39 - PLOT TWIST

10/01/2013 20:29

Plot Twist

Por Julian VK

 

        Depois de trinta e oito episódios finalmente posso dizer que vi um episódio bom de Saint Seiya Omega. Claro, houve pontos negativos, mas de uma forma geral fiquei bastante contente com o que ocorreu. Infelizmente, creio que a essa altura do campeonato já é tarde demais para salvar a série.

        No início do episódio Fudou faz um papel ridículo. Simplesmente deixou Eden prosseguir, uma atitude impressionante para quem parecia tão determinado a deter os inimigos de Mars. É disso que é capaz um cavaleiro que detém um dos maiores cosmos das doze casas? Mal leva um golpe de um bronzeado e joga a toalha? Ao menos fez jus ao título de Guardião Imóvel.

        Através de uma técnica de teleporte misteriosa, Genbu consegue trazer os cavaleiros de bronze e até mesmo o próprio Tokisada das escadarias até a casa de Libra. Normalmente pensaríamos que a coisa ficou realmente complicada para os mocinhos, ou que o dourado da sétima casa convenceria Aquário a deixar por conta dele. Mas como todos vimos o preview, sabemos que na verdade os dois vão sair no tapa.

        Contrariando todas as expectativas, Genbu declara em alto e bom som que ele luta por Athena. Chega até ao ponto de se comparar com Dohko e Shiryu, que vestiram a armadura de Libra anteriormente. E este é um ponto muito importante em que o Omega trouxe algo de construtivo para a série, por mais surpreendente que isto possa ser.

        De acordo com o que disse Genbu, podemos concluir que somente guerreiros capazes de discernir entre o bem e o mal podem vestir a armadura de Libra, pois este signo representa o equilíbrio. Sendo assim, é natural que o guerreiro que veste tal armadura seja contrário aos ideais extremistas de Mars. Meus parabéns para quem pensou nisso.

        Contudo, como foi o novo libriano a estrela deste episódio, os cavaleiros de bronze foram vergonhosos. A princípio queriam auxiliar Genbu a combater Tokisada – sendo que haviam levado uma surra dele há poucos instantes –, mas são dispensados, sob a justificativa de que não é necessário interferir. Apesar disso, Haruto e Kouga avançam, apenas para serem lançados para trás com o simples elevar do cosmo dos combatentes.

        Se fosse só isso até vá lá. O problema é que depois disso eles simplesmente pegam um pouquinho de pipoca e ficam assistindo a luta inteira, sendo que – a menos que eu esteja muito enganado – deveriam se apressar, pois o tempo não pára. Se Genbu na verdade era um aliado e estava disposto a deter Tokisada, seria muito mais lógico se os protagonistas avançassem para Escorpião a fim de ganhar tempo.

        Parece que ficaram tão maravilhados com uma luta de gold contra gold que esqueceram deste detalhe tão pequeno.

        Os primeiros momentos da luta são intensos, pois Genbu consegue superar o apelão Jikan Ken e combater Tokisada em pé de igualdade, chegando até mesmo a acertar um soco no cavaleiro de Aquário. Logo de cara a explicação parece forçada, pois Libra diz que se o tempo se move duas vezes mais lento para ele, basta se movimentar com o dobro da velocidade.

        Parece até a explicação idiota que Ikki deu pouco antes de derrotar Aiacos, falando que Garuda é um inimigo perigoso por ser rápido e, portanto, bastava ser mais rápido para vencê-lo (e incrivelmente, Fênix fica mais rápido que o espectro simplesmente por ter dito isso). Felizmente o final do episódio torna um pouco mais aceitável o caso de Genbu, pois fica mais claro que ele estava forçando seus limites ao se movimentar naquela velocidade, o que em teoria aumentava o seu cansaço. Em teoria, porque na prática ele continuou muito bem.

        Os roteiristas fizeram um bom trabalho desenvolvendo Genbu, tanto que eu diria que todos (à exceção dos aquarianos) devem ter torcido pela vitória dele. Não somente porque ele foi o único dourado (à exceção do Seiya e Kiki, pois são casos óbvios) que demonstrou lealdade a quem realmente deveria, mas também pelo fato de não ter medo de enfrentar o inimigo e se ferir para vencer, chegando ao ponto de se deixar atacar para ter uma boa chance de aplicar um contragolpe.

        Quando Libra libera um golpe que inclui Rozan no nome, a máscara finalmente cai (mesmo ele não sendo a Shina) e é revelado que na verdade ele é um dos discípulos de Dohko (Sabe aquele discípulo que ninguém conhecia? É ele). Porém, diferente de Shiryu, Genbu era um encrenqueiro e aparentemente por isso o vegetal dos cinco picos não ficou feliz em ter sua armadura levada embora.

        Apesar de levar uma surra inicialmente, Tokisada não se dá por vencido. Usando uma técnica temporal, ele consegue recuperar a si mesmo dos danos sofridos, inclusive aqueles causados à armadura. Se esta for uma habilidade exclusiva de Aquário, então até faz sentido que aquela armadura seja tão desejada. Porém, como ele era o cavaleiro de Relógio fica difícil dizer até que ponto o que ele faz é mérito de suas próprias habilidades.

        E então resolvem fazer um pequeno corte na luta para mostrar algo interessante: o cavaleiro de Escorpião na verdade é outra mulher. O único problema nisso é que essa mulher na verdade é Sonia, que aparentemente recebeu a armadura como um “presente” de Medea. Francamente, essa mulher pensa que é quem pra ficar distribuir armaduras de ouro a rodo?

        Por mais que eu seja fã da Sonia, não consigo enxergá-la como uma amazona de ouro. Ela é uma guerreira perigosa, mas passou um grande aperto no confronto contra Souma, que na época possivelmente nem sabia o que era o sétimo sentido. Como é que agora ela é digna de trajar a armadura de Escorpião?

        Ah sim, como pude me esquecer. Na verdade a armadura de Escorpião é de prata e foi pintada de amarelo-ouro.

        Brincadeiras à parte, Medea está literalmente prostituindo as armaduras de ouro, fazendo parecer que qualquer um pode usá-las e de quebra ficar mais forte por causa disso. No caso de Tokisada tentaram explicar ao dizer que era uma armadura muito desejada por todos (aparentemente por conceder o dom de controlar o tempo), mas e quanto à Sonia? Como uma guerreira que quase levou uma surra do cavaleiro de Leão Menor subitamente está apta para ser amazona de ouro?

        Mas que aquela armadura caiu muito bem nela, ah ela caiu. Merece até assovios.

        De volta à luta, as coisas começam a ficar complicadas para Genbu e seu oponente apela para o seu golpe mais poderoso. Ironicamente, se chama Chrono Execution. Porém, tratava-se apenas de um momento de suspense, pois tão logo quanto o ataque é desferido, Genbu contra-ataca com um soco. Exausto, Tokisada não é mais capaz de usar suas técnicas.

        Libra, que também deveria estar exausto, diz que ainda é capaz de lutar bastante. A explicação? O fato de que ele e armadura lutam em conjunto, enquanto que Tokisada é meramente controlado por Aquário. Sinceramente, eu considero esta uma justificativa razoável. Torna mais plausível o uso das armaduras e fortalece seu significado para um cavaleiro, pois um complementa o outro.

        Por fim, Tokisada é completamente possuído pelo capeta e obrigado a lançar outro Chrono Execution. Porém, sua técnica é superada pelo ataque de Genbu e a luta acaba com a vitória do libriano. E pensar que há um episódio atrás se imaginava que Aquário seria o cavaleiro de ouro mais poderoso. Este serviu para provar uma coisa muito simples: que ser poderoso não garante a vitória. O vencedor é sempre aquele que consegue elevar mais alto seu cosmo.

        Depois disso, Genbu explica que Mars pretende sacrificar Saori (que novidade) e se mostra disposto a fazer algo que nenhum cavaleiro de ouro fez no clássico: subir as doze casas juntamente com os bronzeados. Claro que ele poderia simplesmente ter ido sozinho, mas pelo menos demonstrou que tem noção do dever de um cavaleiro.

        Mas obviamente, como a proposta é que os cavaleiros de bronze lutem contra os de ouro, Libra é obrigado a ficar onde está, usando seu cosmo para impedir que Medea destrua a trilha das doze casas. Ainda assim, este é um cavaleiro de ouro que ganhou o meu respeito e admito que errei ao pensar que todos seriam ridículos (sim, eu acho o Seiya ridículo). Ao menos um se salvou.

        Mas espere! Tokisada ainda não estava completamente acabado e resolve usar, como último recurso, uma técnica para levar seus inimigos para os “confins do tempo” junto com ele. Genbu avisou para ficar longe e justamente por isso Haruto correu na direção que não deveria. No fim das contas ele e Ryuho foram levados junto com Aquário para Ultimecia sabe onde. Mas, como bem disse o Kouga, eles voltarão. Agora é apenas uma questão de quando.

        Enfim, esperarei para ver como vão justificar o upgrade da Sonia. Talvez consigam pensar em algo construtivo – como fizeram desta vez –, mas sinceramente... eu duvido muito.

        Contudo, não posso negar que amarelo-ouro realça muito a beleza dela.

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!